domingo, 1 de maio de 2016

Os sons da vida

O som da vida não vem exatamente das batidas do coração. Vem dos anseios que movem os passos na direção dos barulhos interiores, no intuito de encontrar um caminho pacífico e silencioso.
A verdade é que silêncio não existe, e isso é bom.
Ora, uma manhã sem o canto dos pássaros tem a canção dos grilos. Uma noite sem o pio de uma coruja tem o clamor dos ventos. Até mesmo o espaço que existe entre o Sol e a Lua emite o som da eternidade e para ouvi-lo, basta sonhar.
Dizem que a vida é curta...
Fosse verdade, não haveria motivo para a vastidão dos céus. E a vida também acontece lá.
Pense bem na palavra VIDA.

Ela só tem IDA, porque não importa o que aconteça, ela sempre continua.


Nenhum comentário:

Postar um comentário