quinta-feira, 9 de junho de 2016

Nos passos de Deus

Olhei para as minhas mãos
Ainda jovens, revestidas de uma pele
Que de tudo já sentiu.

Estes dedos que transcrevem a mente
A reflexão do íntimo, mais íntimo
Do que ninguém nunca viu.

Quero uma vida mais longa
Que a linha da minha palma
Pois o que desejo vem da alma.

Que meu tempo seja suficiente
Para ver crescer minha semente
Presenteada por Deus.

E que eu possa andar sem medo
Cultivando a fé
De que meus passos seguem os Seus.


Um comentário:

  1. Vida longa para você que enxerga a linha da alma e jamais a da palma. Parabéns!

    ResponderExcluir