sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Sejamos como o Sol

A vida é tão curta... Não importa com quantos anos a gente se despeça, a vida sempre será curta. Seria tão bom se a pressa do mundo viesse da vontade de alongar sorrisos. 
Veja o Sol. Ele brilha para todos aqueles que elevam a face à ele. Ele brilha para que sua luz alcance quantos a vida quiser, não quantos ele quiser. Ele aceita ser Sol, simplesmente e grandiosamente, Sol. A Terra gira. Logo vem a  noite, com a Lua e estrelas. O Sol está parado, mas sua luz se movimenta. Sua chama interna continua acesa. Não importa o que aconteça, vinte e quatro horas depois ele estará lá. 
Sejamos como o Sol na vida das pessoas. Sejamos a certeza de apoio. Sejamos a certeza da amizade. Sejamos o bom dia, a boa tarde e a boa noite. Não precisamos fazer malabarismos. Não precisamos ser grandiosos aos olhos dos outros, precisamos ser grandiosos à nossa própria consciência. Sejamos humildes para ajudar o próximo, mas que sejamos ainda mais humildes para reconhecer nossas arrogâncias. Sabemos que o Sol é grandioso. Mas o mundo gira e ele se vai. Saibamos a hora de sair de cena. Que possamos distinguir o ego da auto estima. Sejamos sábios como a natureza. Ali, tudo tem seu valor, por ínfimo que seja, ainda é parte de um todo. Lembre-se:
Somos todos UM TODO!

Paz e Luz, sempre!



Nenhum comentário:

Postar um comentário