sábado, 10 de dezembro de 2016

Presépio de Natal

Uma caixa de papelão
E um desejo no coração
Trazer pra dentro de casa uma Luz
Emanada pela presença de Jesus

Ele que no meio dos Reis
Tão pequenino já carregava imenso poder
Conquistou o coração de um, dois, três...
Hoje são tantos que nem sei dizer!

Eis a Sagrada Família
Munida de verdade, amor e paz
Ensinando que a verdadeira vigília
Vem de uma fé que nunca se desfaz.

A chama no meio é a Luz do Mundo
Essa que brilha em todo coração
Transformando o solo infértil em fecundo
Em todo aquele que cultiva o perdão.

Divino Espírito Santo
Também desceu ali
Para louvar com todo encanto
O grande filho de Davi

É preciso amar
Amar como Jesus
Que morreu para nos salvar
Pregado em uma Cruz

A tarefa é difícil
É preciso se entregar
Sem medo, sem julgamento, sem vício
Sem interesse, sem nada cobrar.

Eis o Seu presépio
Um cantinho em Sua memória
Para levar adiante
O segredo da Vitória.














Nenhum comentário:

Postar um comentário